MAGIC KINGDOM – Roteiro de Bolso

Antes de iniciar suas visitas aos parques da Disney, recomendamos que leiam nosso post “5 coisas a saber antes de chegar nos parques da Disney“, que trata de: como escolher a data ideal para visitar os parques, como funciona o site/aplicativo My Disney Experience, e informações importantes sobre PhotopassMemory MakerFastPass e MagicBand.

Hoje é dia de pura magia! Magic Kingdom é o primeiro e mais tradicional parque de Walt Disney World.

Horário recomendado para chegarem ao parque: cerca de 1h antes do horário de abertura.
Valor do estacionamento: U$25,00. Hóspedes de Resorts Disney não pagam estacionamento no parque.

Chegando no estacionamento do Magic Kingdom, passamos pela cabine de pagamento e depois seguimos o fluxo até encontrar um cast member indicando em que fileira entrar. Não podemos escolher qualquer vaga disponível, os carros vão parando lado a lado, conforme vão nos orientando. Após estacionar, não se esqueça de anotar ou fotografar o local onde parou. Então pegamos o trenzinho que nos leva até o Transportation and Ticket Center (TTC). Hora de passar pela inspeção das bolsas e mochilas. Quem não estiver com nada, pode passar numa fila separada em que está escrito “Guests Without Bags”. Atualmente a Disney conta com detector de metais e os seguranças escolhem “aleatoriamente” algumas pessoas para passarem por ele. Não é permitido entrar nos parques com bebidas alcoólicas, recipientes de vidro (exceto papinhas de bebê) e pau de selfie. No TTC estão os guichês de venda de ingressos, e também do Will Call, para quem precisa trocar o ingresso eletrônico pelo físico. Recomendo que já viagem com os ingressos comprados. Normalmente no Brasil conseguimos melhores preços, ou ótimas condições de parcelamento, e vocês podem agendar os FastPasses com 30 dias de antecedência. Fora o tempo que economizarão não tendo que enfrentar a fila do guichê de venda. Caso queiram comprar seus ingressos conosco, enviem um e-mail para contato@menegatour.com.br. Calma que ainda não acabou! Entrar no Magic Kingdom dá trabalho!

Calma que ainda não acabou! Entrar no Magic Kingdom dá trabalho! O próximo passo é escolher qual transporte utilizar para chegar à entrada do parque: Monorail – o famoso monotrilho, cujo percurso é mais rápido e por ser fechado torna-se mais confortável em dias de muito frio ou muito calor; ou o Ferryboat – balsa que proporciona uma bela vista da Seven Seas Lagoon e dos hotéis Disney’s Grand Floridian Resort & Spa e Disney’s Polynesian Village Resort. E, finalmente, chega o momento em que encostamos nossos ingressos ou MagicBands no sensor do Mickey, colocamos o dedo no leitor da impressão digital, e abrimos um sorriso de orelha a orelha quando a luz verde autoriza nossa entrada no lugar mais feliz do mundo!

Fica a dica: Antes da viagem, não deixem de baixar o aplicativo My Disney Experience em seu smartphone. Nele poderão ter acesso aos horários do parque, dos shows e paradas, quando e onde encontrar personagens para tirar foto, tempo de espera nas filas das atrações, poderão consultar e modificar seus FastPasses agendados, visualizar as fotos tiradas com o PhotoPass e mais! Lembrando que todo o complexo Disney oferece Wi-Fi gratuito.

As atrações imperdíveis, na ordem que costumamos fazer:

  1. Seven Dwarfs Mine Train: montanha-russa dos Sete Anões, atração para toda a família. Desliza suavemente, é curtinha, uma ótima forma de testar a radicalidade dos pequenos. Nível de adrenalina 2/3*;
  2. Buzz Lightyear’s Space Ranger Spin: atração infantil em que vamos percorrendo os cenários e atirando nos alvos com nossa arma laser para somar pontos. Você que controla para onde o carrinho vai girar, e portanto se não quiser, não precisa mexer muito;
  3. Space Mountain: montanha-russa indoor no escuro, cuja temática é um foguete sendo lançado ao espaço. Não tem looping, mas dá bastante tranco. Vai uma pessoa atrás, e não ao lado da outra, então não recomendo para crianças que possam ter medo. Nem para os adultos que prefiram algo mais suave! Nível de adrenalina 3*;
  4. Under the Sea: atração da Pequena Sereia, em que passeamos por diversas cenas do filme dentro de uma concha. É uma atração linda e colorida, as crianças ficam encantadas;
  5. Mickey’s Philharmagic: cinema 3-D estrelado Pato Donald, que passa por diversos filmes clássicos da Disney, imperdível;
  6. It’s a Small World: criada para a Feira Mundial de Nova York de 1964-1965, com supervisão pessoal de Walt Disney, é um clássico que merece ser visitado pelo menos para quem vai ao parque pela primeira vez. Crianças representando diversas regiões ao redor do mundo se unem em um coral cantando uma música que não sairá da sua cabeça por anos! Sim, por anos;
  7. Haunted Mansion: embarque em um carrinho para passear pelos corredores da mansão mal-assombrada. Não é assustadora, mas os efeitos especiais e a perfeição dos cenários é sensacional, não perca;
  8. Splash Mountain: montanha-russa aquática com quedas deliciosas, belíssimos cenários e trilha sonora contagiante. Os “sortudos” podem molhar bem. Em épocas de frio, ou sempre que quiser evitar se molhar, vá de capa de chuva. Nível de adrenalina 3*;
  9. Big Thunder Mountain Railroad: montanha-russa para toda a família, um divertido percurso a bordo de um trem desgovernado correndo pelo velho oeste. Nível de Adrenalina 2/3*;
  10. Piratas do Caribe: passeio de barco pela cidade sitiada por piratas, para toda a família, com alguns momentos no escuro e queda BEM PEQUENA.

Atrações opcionais:

  • Monsters, Inc. Laugh Floor – show de comédia dos Monstros S.A., legal e bem interativo com a plateia. Se não entender bem o inglês, provavelmente não terá muita graça;
  • Tomorrowland Transit Authority PeopleMover – uma delícia para descansar um pouco enquanto passeia pela Tomorrowland, e também como alternativa para quem espera os mais radicais curtirem a Space Mountain;
  • Astro Orbiter – um foguete que fica girando em torno do eixo, muito legal porque proporciona uma linda vista do parque, já que fica bem alto. Eu adoro ir nesta atração depois que anoitece;
  • Carousel of Progress – teatro sobre o progresso da sociedade e invenções que mudaram nosso dia-a-dia. Eu particularmente gosto dessa atração, apesar dos bonecos animatrônicos já serem meio antigos e, portanto, não mais tão convincentes, mas é importante avisar que a musiquinha da atração não sairá da sua cabeça: There’s a great, big, beautiful tomorrow… shining at the end of every day!;
  • Tomorrowland Speedway – mini pista em que os visitantes dirigem de verdade réplicas de clássicos carros de corrida, com um trilho que não te deixa bater nos carros ao lado. Faz sucesso entre as crianças;
  • Enchanted Tales with Belle – atração bem interativa em que entramos no castelo da Fera e participamos de uma contação de história com a Bela EM PESSOA. As crianças podem tirar fotos com ela. Como entram poucos por vez, em certas épocas as filas são grandes. É muito legal para as crianças (e adultos) que gostam desse filme;
  • Dumbo the Flying Elephant – a tradicional atração infantil do Dumbo, em que entramos nos elefantinhos que giram em torno do eixo. Ao lado há um playground indoor, e bem próximo uma área para as crianças se molharem;
  • The Barnstormer – montanha-russa do pateta, bem curtinha e infantil. É mais legal para as crianças que ainda não podem curtir a Seven Dwarfs Mine Train e a Big Thunder Moutain;
  • Prince Charming Regal Carrousel – o clássico carrossel da Disney;
  • Mad Tea Party – as também clássicas xícaras giratórias;
  • Peter Pan’s Flight e The Many Adventures of Winnie the Pooh – são atrações infantis em que entramos em um carrinho e passeamos por cenários das animações. São super curtinhas e infantis, mas as filas costumam ser enormes. Se fizer muita questão de conhecer, ou estiver com criança pequena, eu recomendo que escolha uma delas e pegue FastPass;
  • Jungle Cruise – cruzeiro na selva que com animais animatrônicos, pode ser divertido para as crianças;
  • The Magic Carpets of Aladdin – atração estilo o Dumbo, que gira em torno do eixo, mas nesta andamos no tapete do Aladdin.

Paradas e shows durante o dia:

  • Move It! Shake It! MousekeDance It! Street Party: os personagens vêm pela Main Street em seus carros alegóricos e param ao redor da praça em que está a estátua do Mickey e Walt Disney, então começa a tocar músicas animadas e temos a chance de dançar ao lado de diversos personagens.
  • Disney Festival of Fantasy Parade é o desfile de personagens que acontece na parte da tarde, IMPERDÍVEL! Cerca de meia hora antes da parada, as pessoas começam a se sentar no meio-fio para assistir. No mapa do parque, um caminho pontilhado indica todo o percurso que o desfile fará.
  • Mickey’s Royal Friendship Faire é show que acontece no palco em frente ao castelo, com várias apresentações durante o dia, e presença de Mickey, Minnie, Pateta, Donald, Rapunzel, Tiana, Anna, Elsa e Olaf. Para quem vai ao Magic Kingdom duas vezes, e portanto tem mais tempo para a parte de entretenimento, vale a pena assistir.

Shows noturnos:

Procurem um local para se sentar com pelo menos de 1 hora de antecedência. As pessoas costumam se sentar ao longo de toda Main Street e ao redor da praça em que há a estátua do Walt Disney e do Mickey. Nós gostamos de assistir os fogos mais de perto, na praça que tem a estátua do Walt Disney ou logo à frente dela.

Nós gostamos de assistir os fogos mais de perto, na praça da estátua ou do outro lado da rua, antes de entrar na Main Street.

  • Happily Ever After: show de fogos e projeções no castelo, que conta a inesquecível jornada de alguns dos principais personagens da Disney, e nos inspira a buscar nosso próprio final feliz. Todo o espetáculo é de arrepiar, a trilha sonora é um show à parte, não tem como não se emocionar! Para mim, é o show mais lindo da Disney. IMPERDÍVEL!
  • Once Upon a Time: o Castelo da Cinderela ganha vida neste show noturno, através de projeções que homenageiam a arte de contar histórias da Disney. É bonito, mas o Happily é tão incrível, que ao meu ver Once Upon a Time fica meio “apagadinho”!

IMPORTANTE: Os horários dos shows e paradas variam de acordo com o dia, consultem logo que chegarem ao parque, pelo aplicativo My Disney Experience e/ou o Times Guide, papel que você pega junto com o mapa, na entrada. 

Restaurantes:

Para evitar as filas enormes nos restaurantes, sugerimos almoçar bem cedo, até 12:00h, ou mais tarde, perto das 15:00h, tapeando o estômago com guloseimas ou até mesmo sanduíches que podem levar do hotel. No Magic Kingdom os restaurantes de que mais gostamos são: Cosmic Ray’s Starlight Café – na Tomorrowland e o Columbia Harbour House – em frente à mansão mal-assombrada.  Como a tendência é sair do parque bem tarde, para jantar sugerimos um delicioso cachorro-quente no restaurante de esquina da Main Street, Casey’s Corner. Clique nos nomes em negrito dos restaurantes, para ser direcionado aos cardápios em português dos mesmos.


FastPass+
:

Se gostam de adrenalina, recomendamos que peguem para Seven Dwarfs Mine TrainSpace Mountain e Big Thunder Mountain OU Splash Mountain. O FastPass para a Seven Dwarfs Mine Train é MUITO disputado. Se não conseguirem, peguem para Space MountainBig Thunder Mountain e Splash Mountain. Atenção: crianças podem ter medo da Space Mountain, crianças podem ter medo da Space Mountain, pois é no escuro, veloz e dá trancos.

Se o foco de vocês é nas atrações infantis, recomendamos que peguem principalmente para Buzz Lightyear e Peter Pan. Também gosto bastante do Enchanted Tales With Belle e Tomorrowland Speedway (altura mínima: 81 cm).

Em relação a fotos com personagens, uma experiência inesquecível no Magic Kingdom é o camarim do Mickey no Meet Mickey Mouse at Town Square Theater. Se assistirem à parada da tarde em frente ao Town Square Theater, quando o último carro estiver passando, já corra para a fila, pois é outro momento em que tende a ficar mais tranquila. Caso tenha 2 dias de Magic Kingdom, de repente pode agendar o FastPass para a foto com Mickey no 2o dia. E se você tem uma princesa que quer muito tirar foto com outras princesas, um FastPass também cai bem! No Princess Fairytale Hall há duas filas, uma para Cinderella e Elena de Avalor, e outra para Rapunzel e Tiana (princesas sujeitas a alteração). Cada uma delas exige um FastPass. A Gruta da Ariel também é muito bonitinha e oferece FastPass.

Procure agendar seus FastPasses para até 14h-15h, porque assim conseguem agendar o 4º, depois o 5º, e assim por diante, pelo aplicativo no celula ou no Fastpass+ Kiosk.

*O nível de adrenalina, de 1 a 5, é uma opinião pessoal.